MPF denuncia 24 pessoas por fraudes na saúde no Rio

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou 24 pessoas por crimes na área da saúde envolvendo o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), durante a gestão de Sérgio Côrtes na Secretaria de Saúde, no governo de Sérgio Cabral. A ação protocolizada ontem (7) é um desdobramento das operações Fatura Exposta e Ressonância, no âmbito da Lava Jato, que aprofundaram as investigações de uma organização criminosa responsável por corrupção, fraudes à licitação, cartel e lavagem de dinheiro em contratos entre o Into e o governo do Rio.
“Com efeito, após exaustiva investigação que contou com medidas cautelares de quebra de sigilo bancário, Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!