Comer em hospital venezuelano é uma ameaça para a saúde

A precariedade da comida nos hospitais venezuelanos é uma verdadeira ameaça para a saúde dos pacientes.
Com diabetes, Carla deveria comer menos massa e arroz para que seu pé fique bom, mas esses são os únicos alimentos que ela recebe. Em outro caso, um bebê foi alimentado com soro porque não havia leite.
Não importa a doença que o paciente tem: nos centros de saúde pública serve-se a mesma comida a todos.
“Como o que me trazem”, diz, resignada, Carla López, de 40 anos, hospitalizada há três meses por feridas em seu pé ulcerado.
Ao seu lado há um prato de lentilha com arroz, Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!