Cientistas da UFRJ fazem vaquinha para insumos e bancam itens de pesquisas com o próprio salário

Professores reclamam e apontam que, após orçamento para ciência alcançar um pico nos anos 2010, ele diminuiu em dois terços. Em 2017, despencou 44%. Estudante na UFRJ
Mauro Pimentel/AFP
“Quando eu vi o Museu Nacional do Rio de Janeiro em chamas pela televisão, caí em prantos”, relembra o renomado físico Luiz Davidovich, para quem as ciências no Brasil estão no mesmo estado de deterioração que a cultura.
90% das universidades federais tiveram perda real no orçamento em cinco anos; verba nacional encolheu 28%
“Nos laboratórios da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), os pesquisadores compram com seus próprios recursos material, ou ratos geneticamente Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!